2015 – Semana 10: Da China aos EUA os pedidos para o reconhecimento do casamento gay

0
9
views

Olá amigos,

Mais uma vez, vamos conferir o que foi destaque na mídia sobre o universo LGBT, e tivemos muitas notícias na décima semana do ano de 2015.

Pai de homossexual chinês pede legalização de casamento entre pessoas do mesmo sexo

Em carta enviada aos membros da Assembleia Popular Nacional, Lin Xianzhi, de 61 anos, pede igualdade de direitos para casais homossexuais, incluindo assistência médica.

O filho de Lin – Xiatao – assegurou que o seu pai aceitou a sua homossexualidade depois de uma fase de negação e que, agora, é voluntário na associação de pais, familiares e amigos de gays e lésbicas (PFLAG, na sigla em inglês).

“É injusto que não possam casar-se”, disse Lin aos jornais, acrescentando que mais de 50 milhões de famílias na China se deparam com este problema.

Via

Casamento gay também vai ser possível no Nebraska

Depois do Alabama, chegou a vez do Nebraska. Nesta semana aumenta para 38 o número de estados norte-americanos onde o casamento entre duas pessoas do mesmo sexo é permitido.

A nível nacional, o Supremo Tribunal norte-americano irá pronunciar-se no próximo mês de junho sobre a proibição do casamento homossexual que existe em alguns estados e determinará se esta poderá manter-se ou não nos locais que ainda a defendem.

Via

Dois homens são presos na Rússia após matar um gay a facadas

Dois homens foram presos perto de São Petersburgo, na Rússia, acusados de matar um homossexual.

O corpo da vítima de 38 anos foi encontrado em Vsevolozhsk, nordeste da Rússia, na última segunda-feira, dia 22, com 26 facadas.

Via

Advogado da Califórnia propõe lei para matar homossexuais

Um advogado da Califórnia (EUA), estado tradicionalmente liberal dos Estados Unidos, apresentou uma proposta de referendo para proibir a homossexualidade, propondo a pena de morte como punição.

A proposta, que tem pouquíssimas probabilidades de avançar (precisaria de 360.000 assinaturas), foi apresentada pelo advogado Matthew McLaughlin, do escritório do procurador-geral da Califórnia, na semana passada.

“O abominável crime contra a natureza conhecido como sodomia é um mal monstruoso que Deus todo poderoso, doador de liberdade, nos ordena reprimir sob pena de nossa destruição total, assim como destruiu Sodoma e Gomorra”, diz a absurda proposta, registrada e aberta a comentários na página da internet da Procuradoria-Geral.

Via

Da Coreia do Sul aos EUA, beijos gays na TV levam a protestos

Pela primeira vez na história da TV sul coreana, uma série dramática apresentou um beijo lésbico, o que levou a uma avalanche de denúncias contra a estação de teevisão JTBC.

A série em questão é a Seonam Girls High School Investigators que segue cinco estudantes de uma escola que formam um clube de detetives, estando prontas para investigar casos, muitos deles que envolvem bullying, mas também suicídios e abortos.

Já nos EUA, fãs da série The Walking Dead se manifestaram criticando um beijo entre personagens homossexuais. O beijo entre o primeiro casal masculino do série, Aaron e Eric, causou polêmica e o Twitter foi bombardeado com frases homofóbicas, apesar da relação já ser conhecida desde os quadrinhos e não ser surpresa.

Via

Líderes de igrejas pentecostais se reúnem para discutir liberdade religiosa e casamento gay

Igrejas pentecostais de todo o mundo estão se organizando para discutir temas da sociedade que poderão influenciar a maneira como os cristãos vivem, pregam e se reúnem.

Uma primeira reunião com líderes de igrejas que representam mais de 90 milhões de membros aconteceu em Los Angeles, nos Estados Unidos.

No país há uma forte sensação de que em breve, muitas igrejas passarão a aceitar o casamento gay entre seus membros, e inclusive, há pastores que apoiam essa ideia publicamente, como no caso de Rob Bell.

Igrejas tradicionais, como a Presbiteriana, já estão a poucos passos de regulamentarem a união entre pessoas do mesmo sexo.

Via

Em Uganda, revista mostra que a homossexualidade é uma questão natural

Em um movimento valente, e talvez um pouco temerário, a comunidade de Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais (LGBT) de Uganda lançou uma revista para contar suas próprias histórias e convencer a sociedade de que sua sexualidade é uma questão natural e não uma conduta criminosa.

As 75 páginas da Bombastic abrigam dezenas de artigos sobre experiências reais da comunidade gay, em um país onde a homossexualidade é um delito, explicou à Agência Efe a ativista e editora da publicação, Kasha Jacqueline Nabagesera.

A boa aceitação da revista, que é gratuita e distribuída em algumas bancas e supermercados do país, foi tal que em poucas semanas esgotaram os 15 mil exemplares impressos, e em breve esperam lançar uma segunda edição com outros 30 mil exemplares.

Apesar disso, alguns voluntários que estavam distribuindo a edição foram agredidos.

Via

Espetáculo retrata polêmica sobre reversão da homossexualidade

Entre os dias 07 de março e 26 de abril, o MuBE Nova Cultural apresenta o espetáculo Consertando Frank, que conta a história do repórter Frank Johnston, influenciado por um namorado a se disfarçar para conseguir uma matéria jornalística.

O namorado, Jonathan Baldwin, que é psicólogo e ativista gay, convence o jornalista a armar um plano para desmascarar o psicoterapeuta Arthur Apsey e seu método de reversão da homossexualidade.

Entretanto, o plano começa a dar errado quando o poder de persuasão e argumentação do Dr. Apsey acaba seduzindo Frank e colocando suas convicções em cheque. Ao descobrir a verdadeira intenção das visitas do jornalista ao seu consultório, Apsey propõe a ele passar pelo mesmo processo de “cura”, a fim de dar mais veracidade à sua reportagem.

A montagem pode ser conferida nas sextas e sábados, às 21h30, e domingos, às 18h. A entrada é R$ 20, até o dia 22 de março, e R$ 30, a partir de 27 de março.

Via

Estado Islâmico atira mais um homem de prédio por ser homossexual

Perante uma multidão entusiasta, militantes do Estado Islâmico repetiram a cena grotesca e atiraram um jovem vendado do alto de um prédio, acusando-o de ser homossexual.

O episódio, assistido por centenas de pessoas, teve lugar na cidade síria de Raqqa e foi divulgado por um grupo de ativistas locais que se dedica a expor as atrocidades cometidas pelo Estado Islâmico.

Nas imagens, é possível ver o jovem vendado, ser arrastado pelo telhado por pessoas do grupo terrorista, enquanto outros militantes filmam a cena com o celular.

Via

Eslovênia aprova casamento gay

A Eslovênia se junta ao grupo dos países que autorizam o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Com 51 votos a favor, 28 contra e cinco abstenções, o parlamento de Ljubljana adotou na terça-feira, dia 03/02/2015, a lei que permite o casamento gay.

A Eslovênia torna-se, assim, o 11.° país da União Europeia a autorizar o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Via

Gay pode pedir pensão ao se separar, decide STJ

Um dos parceiros de uma união homoafetiva pode ter direito a solicitar pensão alimentícia depois da separação, reconheceu o STJ (Superior Tribunal de Justiça).

A decisão, tomada por unanimidade, cria precedentes para casos semelhantes em todo o país.

Via

‘Homofobia Fora de Moda’ é a nova exposição do Museu da Diversidade

Em comemoração ao seu aniversário de três anos, o Museu da Diversidade Sexual dá início a uma nova exposição que vai abalar as estruturas reacionárias.

Homofobia Fora de Moda chega com a intenção de promover a cidadania da população LGBT e enfrentar a discriminação sofrida por lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais. A mostra pode ser conferida de 10 de março a 3 de maio, de terça a domingo, das 10h às 20h, com entrada gratuita.

Via

Salvador (BA) vai ganhar primeiro espaço para vítimas de violência homofóbica

Salvador vai ganhar seu primeiro espaço para vítimas da violência, voltado para a comunidade LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros).

Com o apoio da Organização das Nações Unidas (ONU), a Casa Cristal Lilás da Bahia será aberta dia 10 de abril, no Barris. Lá, pessoas em situação de risco receberão atendimento de advogados, psicólogos, infectologistas, massagistas, entre outros profissionais. O projeto é do Movimento de Lésbicas e Mulheres Bissexuais da Bahia.

“A casa vai funcionar de segunda a sexta, mas disponibilizaremos um telefone para socorro, aos sábados e domingos, e ainda faremos plantões em alguns fins de semana e feriados”, diz Sandra Muñoz, coordenadora do projeto.

Ela conta que, também no mês que vem, vai ser inaugurado um abrigo, em um endereço secreto, para vítimas de agressões que estão sofrendo ameaças. Inicialmente, serão 80 vagas. “Mas elas vão aumentar”, promete.

Via

Ser gay no Grajaú é mais difícil que na Vila Madalena, diz curador de festival em São Paulo

“Um homem dançando de salto alto parece não ser algo político. Mas quando isso acontece aqui, acaba sendo”, diz o ator Bruno Lopes, 27 anos.

O “aqui” de Lopes é o bairro Grajaú, na zona sul de São Paulo, onde ele promove de 6 a 28 de março a primeira edição do festival Periferia Trans.

Com shows, palestras, oficinas, espetáculos de teatro e dança, o evento promove a cultura LGBT em espaços culturais do bairro paulistano.

“A gente percebe que até para poder ser homossexual precisa ir para o centro”, comenta. “Por exemplo, as travestis não saem arrumadas daqui, têm que se montar na casa de um amigo do centro.”

A ideia é transformar o Periferia Trans em evento semestral, caso consigam financiamento. Já existe uma previsão para uma próxima edição do evento em setembro de 2015.

PERIFERIA TRANS
Quando: De 06 a 28/3 de 2015
Onde: No Terminal Grajaú, Espaço Cultural Humbalada – av. Grande São Paulo, 282, Grajaú -, e outros endereços.
Quanto: Evento gratuito
Site: www.periferiatrans.tumblr.com

Via

Beijo gay entre adolescentes faz história na televisão

Uma cena com um beijo entre dois adolescentes de 13 anos num dos episódios da série The Fosters está se tornando, quase instantaneamente, num marco da história da televisão. Será o beijo “mais jovem” entre pessoas do mesmo sexo na televisão.

A série que é exibida na ABC, nos EUA, é produzida por Jennifer Lopez e relata a vida de um casal lésbico, que tem cinco filhos – entre biológicos e adotados. No episódio da última segunda-feira (2), dois adolescentes discutem e, no final, dão um beijo.

A cena emocionou várias pessoas, que usaram as redes sociais para mostrar satisfação com a cena e alguns até para agradecer aos produtores da série.

Alguns dos internautas comentaram que caso houvesse uma série assim nos seus anos de adolescência, a sua vida teria sido muito mais fácil.

Via

Jovem gay é agredido por pelo menos dez pessoas no centro de SP

Um jovem de 23 anos carrega as marcas de várias agressões sofridas no penúltimo fim de semana. O recepcionista hospitalar E., que pediu para ter a identidade preservada, denuncia que apanhou de um grupo de pelo menos dez pessoas.

A violência teria acontecido por volta das 4h do penúltimo domingo (1°) na rua Herculano de Freitas, bairro da Bela Vista, centro de São Paulo.

“Quando a gente já foi virar a esquina, já tinha esse grupo, era umas 10, 15 pessoas. Eles já foram me batendo, não anunciou assalto nem nada… eles bateram com skate na minha cabeça”, comentou.

Via

Google, Apple, Nike, eBay e outras empresas apelam por casamento gay

Documento enviado ao Supremo Tribunal Federal dos EUA leva a assinatura de 379 empresas e pede a anulação do veto ao casamento gay

Neste momento, a igualdade de direitos divide os 50 Estados americanos da seguinte maneira: 38 permitem o casamento gay sem restrições, 5 estão no processo de aprovar e 7 proíbem.

No final de abril, os juízes vão ouvir os argumentos orais que defendem a instituição do casamento igualitário nos EUA.

A Suprema Corte deve tomar uma decisão até o final de junho. Se for favorável, o direito ao casamento para pessoas do mesmo sexo vai se tornar uma lei federal, válida em todo o território americano.

E a proposta ganha um imenso apoio. Grandes empresas americanas – 379 até agora, entre elas gigantes como American Airlines, Apple, Nike, Colgate-Palmolive, eBay e Google – decidiram se engajar pela causa e fizeram a sua parte assinando uma requisição enviada na última quarta (4) ao Supremo Tribunal Federal com o pedido de que este derrube o veto que ainda vigora em alguns Estados americanos.

Via

Filho de casal gay está em coma após ser espancado em escola de São Paulo

Um menino de 14 anos está em coma induzido no Hospital Regional de Ferraz de Vasconcelos, em São Paulo, após ter sido espancado em uma escola pública, na manhã da última quinta-feira (5), como informou o site R7 . Segundo Márcio Nogueira, pai do menino, o espancamento teria ocorrido porque o jovem é filho adotivo de um casal gay.

Márcio ainda afirmou que cinco garotos foram os responsáveis pela agressão e disse que não sabia que o filho sofria preconceito por ser sido adotado por um casal gay, então quis divulgar o ocorrido para que a história não se repita com outras crianças no futuro.

Via

Governo Obama pede à Suprema Corte que apoie casamento gay nos EUA

O governo do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, pediu na última sexta-feira (6) à Suprema Corte que determine que os Estados do país não podem proibir o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

O Departamento de Justiça apresentou um memorando para quatro casos sobre os quais o tribunal deve ouvir argumentos orais em 28 de abril.

“Estas leis discriminatórias impõem prejuízos concretos sobre os casais do mesmo sexo e enviam a mensagem inescapável de que casais do mesmo sexo e seus filhos são famílias de segunda classe, indigno do reconhecimento e dos benefícios que os casais de sexo oposto têm”, disse o procurador-geral Donald Verrilli no memorando.

Via

E na semana que vem eu volto para vermos como andam as coisas para a população LGBT.

Abraços, Sam.

Deixe uma resposta