Ser gay pode te tornar mais forte para enfrentar as batalhas da vida

0
9
views
Ser gay pode te tornar mais forte para enfrentar as batalhas da vida

É incrível como ser gay pode nos tornar mais fortes para enfrentar as batalhas da vida, e não são poucas.

Eu, por exemplo, para desbravar o mundo gay sendo que não tinha lá muito contato com outros gays não foi fácil e ainda fui criado em um grupo que não admitia a homossexualidade.

Mesmo tendo nascido em São Paulo, a mais cosmopolita das cidades brasileiras, minha família sempre foi bem conservadora e religiosa, portanto falar sobre questões sexuais não era algo permitido, ainda mais se fosse homossexual.

Imaginem então o longo caminho que percorri para crescer e me desenvolver como um cidadão homossexual sem quase nenhuma instrução de terceiros a respeito de sexualidade e amor entre pessoas do mesmo sexo, pelo menos não diretamente, ou seja, por meio de conversas diretas e direcionadas a mim.

Recorri a muitos livros didáticos, de autoajuda, históricos, palestras e ao meu raciocínio lógico para construir e desenvolver teorias e compreensões a respeito do ambiente que nos cerca e da minha própria homossexualidade.

Sofri todos os preconceitos que os tolos investem contra os gays e também contra os nerds, o que não ajudou em nada na construção da minha autoestima, aliás, ainda atrapalha muita gente, pois até hoje existe bastante preconceito latente e violento em nossa sociedade.

Mas se há algo que aprendi é que tudo em que você se concentra tende a aumentar, portanto para destruir um mal o mais indicado é se concentrar no bem, e isso é assegurado, inclusive, no ensinamento de uma importante divindade da religião mais difundida atualmente. Esse é o conceito baseado no “dar a outra face”.

Porém alguns fazem uma interpretação tão literal desse conceito que pode cair na armadilha de, literalmente, virar o rosto e esperar por mais golpes de seu agressor, o que é um grande equívoco.

Esse conceito diz para responder o agressor com o oposto do que ele faz para nos ofender, é transformar a ação negativa do outro em ações positivas de nossa parte, e não necessariamente direcionadas para este agressor, porém sempre nos protegendo e defendendo, pois a justiça existe para isso e ela deve ser igual para todos.

Para entender em imagem, seria algo, mais ou menos, assim (rs):

Ser gay pode te tornar mais forte para enfrentar as batalhas da vida

Por isso, eu gostaria de convidá-lo a “dar a outra face” àqueles que te menosprezam, amando-se e respeitando-se com mais fervor e praticando a humildade de aceitar aquele é diferente de você.

Conte para si mesmo suas qualidades e pratique o bem, ajudando a quem precisa e a quem está ao seu redor. Assim seremos a transformação que queremos ver no mundo e no mais,

E no mais continuemos firmes e fortes!

Licença Creative Commons
Esta obra de Heller em Chilliwiki, foi licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Não Adaptada.

Deixe uma resposta